Loading...
Canonização2022-09-20T09:59:42+00:00

No Evento

Scalabrini será proclamado Santo pelo Papa Francisco no domingo, 9 de outubro 2022, em Roma.

instruções práticas

Como nos estamos preparando …

Credit-Lucía-Ballester-Catholic-News-Agency

SUA EMOÇÃO

“Em Milão fui espectador de uma cena que me deixou com uma profunda tristeza na alma. Ao passar pela estação vi o vasto salão invadido por três ou quatrocentos indivíduos mal vestidos. Eram emigrantes … Parti comovido.”.“.

Na vida de G. B. Scalabrini, tantas decisões têm sua origem em um encontro. Em particular, diante do drama das pessoas forçadas a deixar seu país em busca de uma vida mais digna, ele não fica indiferente, mas se deixa tocar pela dor alheia. Seu testemunho é precioso para nós, homens e mulheres de hoje que tão facilmente corremos o risco de serem infectados pela “cultura da indiferença”.

SUA AÇÃO INCANSÁVEL

“Diante de tão lamentável estado de coisas, eu me faço constantemente a pergunta: como remediar isto?”?

A emoção de G.B. Scalabrini não é um sentimento estéril, uma emoção por si só: ela gera nele uma ação incansável que o leva a intervir em múltiplos contextos, fazendo-se “tudo para todas as pessoas”. Em particular, Scalabrini começa a seguir as vicissitudes dos migrantes, documentando-se, estudando e conscientizando. Ele chamou bispos, sacerdotes, leigos, a Santa Sé, o governo e todas as pessoas de boa vontade para colaborar, porque “a caridade… não conhece partido algum“. Mais de um século após sua morte, seu legado ainda dá frutos e hoje existem milhares de missionários, missionárias e voluntários scalabrinianos em todo o mundo que seguem seus passos e servem aos últimos desta terra, os migrantes e refugiados.

SUA PAIXÃO POR TRANSMITIR A FÉ

“Trabalhar, trabalhar, sacrificar-se de todas as maneiras para expandir o Reino de Deus aqui em baixo e salvar almas; pôr-se, por assim dizer, “colocar se de joelhos perante o mundo para implorar, como uma graça, a permissão para lhe fazer o bem”.

Scalabrini é lembrado como um bispo pronto para oferecer os cuidados de seu cuidado pastoral em todas as situações sem medida. Ele sentiu a importância da educação religiosa, especialmente dos mais jovens: escreveu “Il Piccolo catechismo per gli asili d’infanzia” [O pequeno catecismo para jardins de infância] e em 1876 inaugurou a revista mensal Il Catechista Cattolico [O Catequista Católico]. Três anos após o início de seu episcopado, havia 4.000 novos catequistas na diocese. Da mesma forma, provocado pelas notícias que recebeu sobre as dificuldades encontradas pelos migrantes, ele sentiu a necessidade de apoiar sua fé enviando missionários como companheiros de viagem. Sua paixão ainda hoje está viva em seus missionários e missionárias, membros dos três institutos da Família Scalabriniana, assim como em muitos colaboradores.

UMA VISÃO PROFÉTICA DA EMIGRAÇÃO

“…E, mais que todos, migra o homem ora em forma coletiva, ora em forma isolada, mas sempre instrumento daquela Providência que preside e guia os destinos humanos, também através de catástrofes, para a meta, que é o aperfeiçoamento do homem, sobre a terra e a glória de Deus nos céus”.

O plano de Deus para a humanidade passa através dos acontecimentos da história, dando-lhes um sentido, uma nova direção. Olhando a realidade com os olhos da fé Scalabrini discerne esta possibilidade: mesmo a realidade da migração, com todas as convulsões que ela implica, pode se tornar espaço para a ação de Deus e a resposta do homem para se encontrar. Através da migração, que reúne diferentes povos, podemos aprender a reconhecer que todos nós pertencemos à única família humana.

Mantenha-se atualizado…

Os três Institutos Scalabrinianos organizaram eventos e iniciativas como parte do Ano Scalabriniano, que começou a 7 de Novembro para comemorar os 25 anos da beatificação de João Baptista Scalabrini. Estes eventos adquiriram agora mais significado e aparecem como momentos de preparação para a canonização. Alguns destes eventos são recordados abaixo. Outras iniciativas serão planeadas e iremos comunicá-las o mais rapidamente possível.

setembro 2022

Vigília de oração

Vigília de oração No dia 29 de setembro, às 18 horas, na igreja de Sant'Andrea della Valle, em Roma, Corso Vittorio Emanuele II, será realizada uma vigília de oração em vista

agosto 2022

Bispo, fundador de duas congregações, os Missionários e as Irmãs de São Carlos Borromeo, Scalabrini era antes de mais nada um homem apaixonado por Deus, capaz de ver o olhar de Jesus nos últimos.

QUEM ELE ERA
SCALABRINI HOJE
Go to Top